2 de maio de 2014

Eu disse #somostodosmacacos, mas seria possível dizer #somostodosgays?

Depois da atitude do jogador Daniel Alves, de descascar e comer uma banana que arremesasram a ele em um jogo na Espanha, depois de mais uma de uma série de atitudes racistas, muitas pessoas seguiram em uma manifestação coletiva através da hashtag #somostodosmacacos, como forma de dizer que somos todos iguais.

Após isso surgiram alguns compartilhamentos de um post da Gretchen questionando por que as pessoas não usaram #somostodosviados para combater o preconceito contra os homossexuais.

Enquanto eu não teria nenhum problema em compartilhar algo assim, gostaria de mostrar como, apesar de parecido, a situação não é a mesma.

São frequentes os casos de ofensa racial, onde o agressor associa o alvo de sua agressão aos macacos, tentando alterar a sua espécie de Homo Sapiens, que é comum a todos os humanos.

Porém, se olharmos a classificação científica (que independe se você considera o evolucionismo ou o criacionismo), os Humanos pertencem a Tribo Homini, a mesma dos chimpanzés, e mais acima, estamos na ordem dos Primatas, onde estão classificados os macacos, símios além dos lêmures e, claro, os humanos.

Outra leitura é de que, sendo todos os indivíduos humanos da mesma espécie, ao afirmar que um humano é uma espécie de macacos, logo, todos são macacos.

Além da classificação científica, eu particularmente, acredito que nós e os demais primatas, símios e macacos, viemos de um ancestral macaco comum a todos e por isso podemos dizer que sim somos todos macacos.

Quanto a alegada afirmação da Gretchen, fala sobre uma forma de racismo orientada a sexualidade, ela está falando sobre algo que não é uma qualidade pertencente a todos os humanos, mas que não é comum a todos os humanos: a sua sexualidade.

Fisicamente, temos homens (que produzem o gameta menor) e mulheres (que produzem o gameta maior) mas quanto a orientação sexual (que é onde se enquadra a crítica), temos outros gêneros como hetero, homo, bi, pan e transexual, todos distintos.

Por isso a afirmação de que #somostodosgays não se enquadra na mesma situação. Mas o respeito, o tratamento, o combate e a punição devem ser o mesmo a todos os casos!

Macaco

ADENDO 1 - Religião

Fiz questão de ressaltar que a afirmação de que somos todos macacos, independe de você ser um evolucionista ou um criacionista, pois a classificação cientifica independe disso, pois estou ciente do argumento de que muitos refutam a ideia evolucionista pois a Bíblia diz que Deus fez o homem a sua imagem e semelhança.
Quando você diz que foi a Igreja, você simplesmente diz "eu fui a Igreja", ao invés de dizer "eu tirei o carro da garagem, segui pela rua X, virei na rua Y, contornei a praça A e cheguei a Igreja Z, certo?
Para mim, é o mesmo caso com a criação, a Bíblia não diz como foi o processo de criação, apenas disse que foi feita a criação.

ADENDO 2 - Publicidade

A notícia de que uma empresa de publicidade organizou a manifestação e de que alguém estava vendendo camisetas com a hashtag #somostodosmacacos, fez muitas pessoas refutarem o uso da mesma, porém a campanha "Vem para rua" foi criado para vender carros e acabou sendo usada para convidar as pessoas para manifestações onde muitas concessionárias foram depredadas.
Além disso, campanhas como a "Campanha do Agasalho" ou a "Doe Sangue" também foram idealizadas por publicitários e isso não faz delas campanhas negativas.
O importante é a mensagem que se quer passar. Ninguém é obrigado a pagar ou comprar nada.

p.s. o tal perfil da Gretchen é fake, usado para alguém que quer fazer a sua publicidade, arrecadando dinheiro com os seus compartilhamentos de qualquer besteira que ele publica.

por: Conrado Tramontini

Postar um comentário